SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL E MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO - FUNDADO EM 28 DE NOVEMBRO DE 1998 - FILIADO À FENAJUFE

ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

Prestação de contas do OP do interior tem prazo até dia 31; veja o rol das direções de base eleitas, que coordenam a cota do OP

O dia 31 de janeiro é o prazo final para que diretores e diretoras de base do interior enviem ao Sintrajufe/RS as prestações de contas do uso das cotas do Orçamento Participativo utilizadas em 2022.

Os recursos não utilizados no ano anterior deverão ser devolvidos à Secretaria de Administração, Finanças e Patrimônio do sindicato, ou seja, não são cumulativos de um ano para o outro. Para que as prestações de contas sejam padronizadas, devem ser realizadas a partir da planilha disponível abaixo e enviadas para financeiro@sintrajufe.org.br.

Clique AQUI para baixar a planilha.

As cidades onde há diretores e diretoras de base já podem usar as cotas do Orçamento Participativo para 2023, conforme as instruções abaixo.

Regramento geral para cota do interior

No início dos anos 2000, foi instituída a cota do OP para o interior do estado. Atualmente, 15% da arrecadação oriunda das mensalidades de sindicalizados e sindicalizadas em cada município do interior retorna às bases para ser aplicada em atividades coletivas.

A verba deve ser utilizada de acordo com os seguintes critérios:

  1. Somente tem direito à cota do OP para o interior os municípios que tiverem diretor e/ou diretora de base;
  2. Os recursos podem ser solicitados e utilizados ao longo do ano. Nesse caso, a Secretaria de Administração, Finanças e Patrimônio do sindicato repassará às direções de base os valores correspondentes à cota de 15% do período já decorrido, que pode ser bimestral, trimestral ou outra periodicidade definida pelos servidores e pelas servidoras em assembleia de base;
  3. A solicitação do recurso deve ser feita pelo diretor ou diretora de base, mediante encaminhamento da ata da assembleia de base que definiu o uso do recurso, na qual deverá constar o resultado da votação das propostas de uso. Junto com a ata deve ser encaminhada lista de sindicalizados e sindicalizadas presentes. Colegas aposentados e aposentadas têm direito a participar das assembleias de base nos municípios onde residem para integrarem-se às ações coletivas. Nesse caso, o Sintrajufe/RS deve ser informado, para que esses colegas sejam incluídos no cálculo da cota;
  4. Os recursos são repassados ao diretor ou diretora de base, que ficará responsável pela prestação de contas até o final de janeiro do ano seguinte, mediante apresentação das respectivas notas fiscais. O DB também é responsável por garantir que a aplicação dos recursos seja fiel ao decidido na assembleia de base. As notas fiscais devem ser emitidas em nome do Sintrajufe/RS (CNPJ 03.506.952/0001-25);
  5. Quando os recursos forem utilizados ao longo do ano, a prestação de contas deve ser encaminhada antes da data da nova liberação de verbas. Os recursos não utilizados no ano em exercício serão devolvidos à Secretaria de Administração, Finanças e Patrimônio do sindicato, ou seja, não são cumulativos de um ano para outro;
  6. Os recursos devem ser utilizados em atividades e/ou ações coletivas de servidores e servidoras, decididas na assembleia de base e que sejam executadas coletivamente, promovendo a integração da categoria. Exemplos: confraternizações, oficinas de cultura, aquisição de equipamentos e materiais para uso coletivo entre os e as colegas da unidade.

Os valores também podem ser destinados, se aprovado em assembleia de base, para doações a entidades de atendimento a pessoas em situação de vulnerabilidade social ou a entidade do movimento social que atue nessa área. Isso pode ser feito, por exemplo, mediante a compra de cestas básicas ou de materiais de necessidade para as referidas entidades.

De acordo com deliberação do Conselho Geral, à exceção de eventual sobra de valores, após utilização em um objetivo principal deliberado pelos e pelas colegas da respectiva unidade, não é permitida a compra de brindes e/ou produtos a serem presenteados/sorteados entre sindicalizados e sindicalizadas. Em nenhuma hipótese, é autorizada a divisão de valores entre sindicalizados e sindicalizadas.

O diretor ou diretora de base pode solicitar a listagem de sindicalizados e sindicalizadas da unidade pelo e-mail sintrajufe@sintrajufe.org.br. Para informações sobre os valores correspondentes à cota, o e-mail direto é financeiro@sintrajufe.org.br.

Saiba mais sobre o OP na cartilha sobre a cota do interior, que inclui modelo de planilha para prestação de contas.

Além de Porto Alegre, 38 unidades elegeram direções de base, com mandato de 2022 a 2025

No final de 2022, foram eleitos diretores e diretoras de base do Sintrajufe, os quais, já empossados, terão mandato até 2025.

Além da cota do OP, os e as colegas são o elo do sindicato nos locais de trabalho, atuando de forma independente da Direção Colegiada e composto com esta última o Conselho Geral, a maior instância diretiva da entidade.

As direções de base representam a qualificação da organização da entidade nos locais de trabalho, assim como a cota do OP é a democratização dos recursos financeiros ao interior do Estado, instituído, no início dos anos 2000.

Veja abaixo a lista completa dos diretores e diretoras de base com mandato até 2025:

Eleitos/eleitas
TRFBETHANIA LUISE BRENNER
EDUARDO DA SILVA SARDAO
LUCIANA SARAIVA LEE
SYLVIO PORTINHO SIRANGELO
TATIANA SOUZA
JUSTIÇA FEDERAL PORTO ALEGREADRIANE CARVALHO BECKER
CLAUDIO LUIZ COUTO
HÉLIO AZAMBUJA DOS SANTOS
JUSSINARA MAGDA PILAU
MARIO AUGUSTO SILVA MARQUES
TRTANDREA BARBOSA MARTINS
ELAINE FAGUNDES PEIXOTO
PAULO RIBEIRO MONTANO
ROGERIO SANTOS QUIROGA
UEVERSON COSTA ALVES
JT Varas POADEBORA BICUDO CARDOSO
ELTON LUIZ DECKER
JOSIANE BRANDIELLI SCHUCK

JUSTIÇA FEDERAL INTERIORELEITOS/ELEITAS
BAGÉNILTON LUIS IURRAMENDI SITTONI
BENTO GONÇALVESCACIANO FOCHESATTO
DULCE FÁTIMA BALBINOT COSTA
CANOASJOÃO LUIS BERTACO NOAL
JOLSEMAR SARETTA
CAPÃO DA CANOALUIS CARLOS SILVA MACIEL
CARAZINHODANIEI ALISON PINHEIRO
CAXIAS DO SULANDREIA TEREZA COVER SOARES
CARLOS ALBERTO FELINI
IJUIJORGE BOTTON
LAJEADORODRIGO ANGELO DELAZERI
PASSO FUNDOJULIO CARLOS POLI
PELOTASANGELO EDUARDO BALDUZZI PAVAN
CAROLINE DE ALCANTARA SANTIAGO
RIO GRANDEREJANE SACCO DOS ANJOS
SANTA CRUZ DO SULVERÔNICA DE CASTRO MARTINS
SANTA MARIAFABRICIO DA SILVA
JUSILDA LOMBARDO PEDROLLO
SANTA ROSAFLAVIO LUIS HOFMEISTER
SANTANA DO LIVRAMENTOSANDRO MENEZES DA TRINDADE (titular)
SILVIA VALERIA VIEIRA DA LUZ LINHARES (titular)
PAULO SERGIO MAIA FERREIRA (suplente)
SANTO ANGELOCLEBER COPETTI JULIANI
URUGUAIANAWILMAR MORARI JÚNIOR(titular)
MILTON VOLMIR MONTEIRO RODRIGUES (suplente)
JUSTIÇA DO TRABALHOELEITOS/ELEITAS
BENTO GONÇALVESROSANA KRUGER LAVANDOSKI
NEWTON CORREA BRIGONI
CACHOEIRA DO SULCRISTIANO BATISTELLA SILVEIRA GUTERRES
CACHOEIRINHAGRACIELA DE CAMPOS
CANOASVALDOMIRO NOGA JUNIOR
CAXIAS DO SULJOSE SALVADOR DE VARGAS VEIGA
ESTEIOVERA REGINA TEIXEIRA
GUAÍBAEDUARDO ANTONIO CAMPOS RANZAN
IJUÍFABIANO DA SILVA
LAJEADODANIEL CRUZ DA SILVA
NOVO HAMBURGOSILVANA BARASUOL
PASSO FUNDONICOLE REGINA BOZZETTO
ANA CAROLINA PICCININ DE MOURA
MARIA RAQUEL EBONE
PELOTASMAURO ORTIZ ALT
RIO GRANDEMARIA NOELI PEREIRA
PAULO JESUS DE ANDRADE E SILVA
SÃO LEOPOLDOCLAUDIO RENATO DE AZEVEDO
TAQUARACRISTINA GRUMANN
SABRINA FONTES DA SILVEIRA
TAQUARIMARCOS CÉSAR DOS SANTOS
TORRES/CAPÃO DA CANOALEONARDO GONÇALVES PADILLA
TRÊS PASSOSIARA KUNDE DICKEL
TRIUNFOGUSTAVO RYBAR
URUGUAIANAADRIANA DUARTE PIEGAS FUHRMANN
JUSTIÇA ELEITORALELEITOS
REGIÃO RIO GRANDEGIOVANE ARAÚJO BRANDÃO
REGIÃO SANTA MARIAJOSÉ CARLOS GOMES DA SILVA