SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL E MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO - FUNDADO EM 28 DE NOVEMBRO DE 1998 - FILIADO À FENAJUFE

REFORMA ADMINISTRATIVA

Em campanha pela reforma administrativa, governo volta a mentir sobre impacto da proposta que prejudica os serviços públicos prestados à população

Ler conteúdo

O Ministério da Economia lançou uma campanha em defesa da reforma administrativa (PEC 32/2020) que retoma as mentiras que o governo de Jair Bolsonaro (sem partido) e Paulo Guedes vem contando sobre a proposta. Sob o pretexto de “modernização”, o governo afirma que a reforma irá qualificar os serviços públicos, quando, na verdade, o que ocorrerá será a precarização do atendimento à população e das condições de trabalho dos servidores e das servidoras.

O governo insiste na mentira de que os atuais servidores e servidoras não serão atingidos e, no card do Ministério da Economia, fala em “ingresso por concurso”, como se os concursos estivessem garantidos pela reforma. A verdade é que a PEC 32 cria novas formas de contratação, mais precárias, o que, na prática, irá acabar com os serviços públicos. Também acabará com a estabilidade para os novos servidores e servidoras, o que afetará todo o serviço público. O fim da estabilidade e as novas formas de contratação balizam o futuro, congelam salários e também afetam os ganhos de aposentados, aposentadas e pensionistas, que terão prejudicada a efetivação de seu direito à paridade e à integralidade, já que não haverá salários equânimes para tomar por base.

A lógica do governo, em sua tentativa de emplacar a reforma administrativa, é o “equilíbrio das contas”, eufemismo para cortar os gastos e os investimentos públicos, baixar salários, reduzir o número de servidores e servidoras, entre outras medidas. Isso irá prejudicar não apenas servidores e servidoras, mas também o atendimento à população, em setores como saúde, educação e no acesso à Justiça.

Sintrajufe/RS lança nova etapa da campanha contra a reforma

Para combater essas e outras mentiras do governo e conscientizar a população sobre os reais efeitos da PEC 32, o Sintrajufe/RS lançou, nesta quinta-feira, 10, mais uma etapa da campanha de mídia do sindicato contra a reforma administrativa. Com peças de televisão e rádio e publicações em jornais de todo o estado e nas redes sociais, o Sintrajufe/RS denuncia os prejuízos que a reforma trará para a população.

FALE CONOSCO

Font Resize
Contraste