SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL E MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO - FUNDADO EM 28 DE NOVEMBRO DE 1998 - FILIADO À FENAJUFE

ORÇAMENTO SECRETO

Deputado do novo partido de Bolsonaro é flagrado em vídeo com caixa de dinheiro; PF investiga venda de emendas parlamentares

Ler conteúdo

O deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL-MA) foi flagrado em um vídeo gravado pela Polícia Federal (PF) manuseando uma caixa de dinheiro e a entregando a um desconhecido. Trata-se do mesmo deputado que já vinha sendo investigado pela própria PF por suspeita de vender emendas parlamentares, no caso do “feirão de emendas” do orçamento secreto. Na gravação feita pela PF, com autorização do Supremo Tribunal Federal (STF), o próprio parlamentar afirma que a caixa continha R$ 250 mil.

Maranhãozinho, deputado do partido ao qual Jair Bolsonaro se filiou na última semana, nega qualquer irregularidade e diz que a imagem retrata a sua atividade empresarial na pecuária. No início de outubro, o Sintrajufe/RS noticiou que o deputado vinha sendo investigado por participação em um esquema de venda de emendas parlamentares no Congresso. Há pelo menos dois inquéritos sigilosos no STF para apurar o esquema, batizado de “feirão das emendas” por deputados e assessores. A suspeita é de que parlamentares cobram comissão para indicar recursos do Orçamento a uma determinada prefeitura. O dinheiro seria pago por empresas interessadas nas obras e serviços ou pelo próprio agente público.

O “feirão das emendas” passa pelo orçamento secreto, proibido pelo STF, mas cuja decisão a Câmara dos Deputados e o Senado anunciaram que não iriam seguir. Com o orçamento secreto e as emendas de relator, o governo vem comprando os votos dos parlamentares nos projetos tidos como prioritários por Bolsonaro e Paulo Guedes. Entenda AQUI (https://sintrajufe.org.br/ultimas-noticias-detalhe/orcamento-secreto-voce-sabe-como-ele-funciona-e-quem-ganha-com-isso/) como o esquema funciona.

Dentre os usos que o governo vem fazendo das emendas do orçamento secreto, está a compra de votos para a reforma administrativa, que segue aguardando votação no plenário da Câmara dos Deputados. Foram oferecidos R$ 20 milhões para cada deputado ou deputada que votar com Bolsonaro e Guedes. Mesmo assim, o governo vem enfrentando dificuldades, e, nos últimos dias, o líder do governo, Ricardo Barros, e o relator da reforma, Arthur Maia, admitiram que a votação da proposta pode ficar apenas para depois das eleições do ano que vem.

Faltam 15 dias para derrotar a PEC 32 em 2021; envie mensagens aos deputados!

O momento é de reforçar a pressão nas ruas e nas redes. O Sintrajufe/RS segue presente em Brasília semana após semana, construindo a luta junto com entidades de todo o país. No Rio Grande do Sul, juntamente com outras entidades que compõem a Frente dos Servidores Públicos do RS, o sindicato lançou uma nova rodada de outdoors afixados em todo o estado para lembrar aos deputados e deputadas que “quem votar não volta”.

Enquanto isso, é preciso seguir a pressão nas redes sociais. São apenas mais 15 dias para derrotar a reforma em 2021. A pressão sobre deputados e deputadas tem que ser total. Mande mensagens por WhatsApp e e-mail, comente nas redes sociais deles. Com nossa mobilização, podemos derrotar essa proposta.

Já há manifestações de parlamentares afirmando que votarão contra a PEC 32/2020. Enviaram ao Sintrajufe/RS mensagens nesse sentido as deputadas Fernanda Melchionna (Psol) e Maria do Rosário (PT) e os deputados Bohn Gass (PT)Henrique Fontana (PT)Heitor Schuch (PSB)Marcon (PT)Paulo Pimenta (PT) e Pompeo de Mattos (PDT). O PSB também já manifestou posição contra a proposta, assim como o deputado Afonso Motta (PDT).

Veja abaixo os contatos do PL e do PSL:

PL – Partido Liberal

Já votou contra os serviços públicos e a favor da PEC 32 na CCJ e na Comissão Especial da Câmara.

GIOVANI CHERINI (PL)
E-mail: dep.giovanicherini@camara.leg.br
Facebook: https://www.facebook.com/deputadogiovanicherini/
Instagram: https://www.instagram.com/deputadogiovanicherini/
Twitter: https://twitter.com/giovanicherini

PSL – Partido Social Liberal