SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL E MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO - FUNDADO EM 28 DE NOVEMBRO DE 1998 - FILIADO À FENAJUFE

FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES

Campanha Nacional das Mulheres do Hip Hop pelo Fim do Feminicídio será lançada em Porto Alegre nesta quinta-feira, 31

Ler conteúdo

Dentro das manifestações de março, Mês de Luta das Mulheres, e com apoio do Sintrajufe/RS e de outras entidades, será lançada, nesta quinta-feira, 31, em Porto Alegre, a Campanha Nacional das Mulheres do Hip Hop pelo Fim do Feminicídio. A atividade acontece às 18h30min, em ato cultural na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul.

O lançamento foi organizado junto com a Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa e terá em sua programação dança, poesia, música e grafitti com representantes mulheres desta cultura de resistência das ruas no estado.

Já confirmaram presença coletivos dos municípios de Caxias do Sul, Bento Gonçalves, Pelotas e Porto Alegre. Além do ato, a campanha lançará vídeo-manifesto e uma música tema, que rodará o Brasil, passando a visão de que um mundo que é bom para as mulheres é bom para todas e para todos.

A violência contra a mulher não é o mundo que a gente quer

Conforme as organizadoras da campanha, uma mulher é estuprada a cada 10 minutos no Brasil e um feminicídio acontece a cada sete horas. Esses casos atingem, prioritariamente, as mulheres negras e de periferia. No Rio Grande do Sul, a situação também é grave. O número de feminicídios no estado, em fevereiro, aumentou 50% em relação a 2021. Nove mulheres foram assassinadas em razão do gênero em fevereiro de 2022, enquanto seis foram mortas no mesmo mês em 2021. Essa taxa cresce pelo terceiro ano seguido, tornando urgentes iniciativas de combate à violência contra as mulheres.

Para combater essa realidade, foi criada a Frente Nacional de Mulheres do Hip Hop, entidade organizadora da campanha e que hoje está presente em 15 estados brasileiros. A Frente busca fortalecer ações protagonizadas por mulheres que atuam na cultura hip hop, em suas diversas linguagens, e está realizando uma série de ações em prol da liberdade feminina, destacando a importância da participação das mulheres na sociedade através de atividades temáticas, formações culturais, sociais, políticas e de cidadania.

A Campanha Nacional tem por objetivo fortalecer a construção dessa rede de conscientização e informação às mulheres vítimas de violência e reivindicar mais políticas públicas de amparo, além de incentivar a participação feminina na cultura hip hop.

Acesse AQUI a página da Frente Nacional de Mulheres do Hip Hop para mais informações.