SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL E MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO - FUNDADO EM 28 DE NOVEMBRO DE 1998 - FILIADO À FENAJUFE

CAMPANHA SALARIAL

Após encontro com Rosa Weber, Fenajufe reúne-se com Fux no dia 15 de fevereiro

Ler conteúdo

No dia 15 de fevereiro, a Fenajufe reúne-se com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux. Na pauta, temas como a recomposição salarial e alteração do nível de escolaridade para ingresso na carreira de técnico judiciário (NS). Na semana passada, a federação se reuniu com a ministra Rosa Weber, vice-presidente do STF (interinamente na Presidência), e com o secretário-geral do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Valter Shuenquener, ocasião em que o encontro com Fux foi acertado.

Ao presidente do Supremo será destacada a importância do encaminhamento desses dois pontos neste início de ano. Em entrevista ao jornal Extra, também publicada pelo portal IG, a coordenadora da Fenajufe Lucena Pacheco disse que a federação apresentará estudo técnico sobre as perdas inflacionárias do último período. “Só em 2021, a inflação chegou à casa dos 10%, os servidores estão sem recomposição, alguns desde 2016 e outros desde 2017. O estudo da Fenajufe faz uma projeção de 19,99% de perdas, considerando o período de 2019 a 2021”, explicou Lucena.

A questão da mudança de escolaridade para ingresso como técnico judiciário está sendo discutida no Fórum Permanente de Gestão da Carreira dos Servidores do PJU, num subgrupo sob supervisão da Fenajufe, e foi amplamente debatido em 2021. A federação solicitará ao ministro que encaminhe projeto de lei com alteração do cargo para o Congresso Nacional.

Orçamento de 2022

Nessa segunda-feira, 24, Bolsonaro sancionou o Orçamento de 2022 com previsão de R$ 1,7 bilhão ao atendimento de projetos de lei relativos à reestruturação e/ou ao aumento de remuneração de cargos, funções e carreiras no âmbito do Poder Executivo. O aumento seria apenas para servidores da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Departamento Penitenciário Nacional (Depen). O reajuste previsto apenas para esse segmento foi um pedido de Bolsonaro em evidente desrespeito ao conjunto do funcionalismo.

No dia 18 de janeiro, servidoras e servidores de diversos segmentos do funcionalismo realizaram atos em frente ao Banco Central e ao Ministério da Economia, onde os servidores protocolaram pauta emergencial a ser cumprida pelo governo: reajuste salarial de 19,99% para o conjunto dos servidores públicos federais; o arquivamento da PEC 32/20 e a revogação da EC 95/2016 (Teto de Gastos).

Plenária Nacional dos Servidores e Servidoras Federais

Nesta quinta-feira, 27, acontece a Plenária Nacional dos Servidores e Servidoras Federais, virtual, a partir das 10h. A plenária deve servir também como instrumento de engajamento dos servidores e das servidoras na campanha salarial 2022 iniciada no dia 18 de janeiro.


Veja o calendário unificado aprovado na assembleia geral do Sintrajufe/RS

27/01/22 – Plenária Nacional de mobilização dos servidores e servidoras públicos(as) federais;

02/02/22 – Atividade simbólica, como parte do processo de mobilização pela recomposição emergencial, em Brasília/DF, com faixaço por todo o país nos órgãos e prédios públicos;

07 a 11/02/22 – Rodada de plenárias estaduais e atividades virtuais “Reposição emergencial para todas e todos: 19,99% já!;

14 a 25/02/22 – Jornada de Luta em estado de greve;

09/03/22 – Greve Nacional dos(as) servidores(as) Federais.

Sintrajufe/RS, com informações da Fenajufe